Um dos principais problemas que as instituições de cuidados infantis enfrentam é a concentração de micróbios e bactérias, responsáveis pela transmissão de doenças.

Existem alguns cuidados que as instituições podem adotar que ajudam a minimizar o risco de transmissão de doenças e podem  melhorar  o ambiente e a saúde das crianças. Confira a lista abaixo.

  1. Dormitório

A higienização do local onde as crianças dormem é fundamental. Há pequenos cuidados que podem evitar a disseminação de micróbios e bactérias, evitando assim a transmissão de doenças:

  • Verifique os colchões das crianças estão pelo menos a meio metro de distância;
  • Coloque as crianças em posições opostas. A cabeça de um não deve estar próxima à do outro.
  • Certifique-se que cada criança tem os seus próprios lençóis.
  • Não acorrente as chupetas das crianças à roupa.
  1. Troca de Fralda

É importante que o responsável pela muda de fralda tenha noções básicas de higiene e que sejam asseguradas as normas mínimas de segurança.

  • O responsável deve lavar as mãos antes e depois, de forma a evitar a contaminação próprio e entre crianças;
  • Não devem ser permitidas fraldas de pano neste tipo de instituições de ensino;
  • Use luvas descartáveis em casa de infeções ou secreções próprias ou nas crianças;
  • Disponha de um cesto do lixo (preferencialmente de pedal) de forma a descartar as fraldas o mais rápido possível.
  1. Banho

Quando está a tratar da higiene do bebé, como é o caso do banho, assegure que está a fazer as coisas de forma correta, caso contrário o resultado será completamente o oposto daquele que espera. Em vez de estar a trabalhar pela saúde da criança está a aumentar os riscos de ela ficar doente.

  • As toalhas de banho devem ser individuais e devem ser colocadas separadamente;
  • Escovas e pentes também devem ser individuais;
  • Lave a banheira com água e detergente depois de cada banho.
  1. Lavar as mãos

As crianças passam o dia a mexer e agarrar tudo o que lhes aparece pela frente. Por esse motivo é importante que se ensina as crianças a lavar as mãos, principalmente antes das refeições e depois de ir à casa de banho.

  • Use toalhas descartáveis;
  • Oriente a comunidade da creche e os pais das crianças para esta necessidade.
FacebookLinkedIn

NEWSLETTER BRANQUIA

Subscreva a nossa newsletter e receba gratuitamente todas as nossas novidades, curiosidades, eventos, e muito muito mais.

Insira aqui o seu e-mail *